quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Ginásio Formas Fitness Club: Oferta Irresistível

O empreendorismo tem destas coisas... o feedback foi tão gratificante que o Ginásio Formas Fitness Club de Moura lança um desafio:
  • O comentário mais original ao filme Corporativo do Ginásio Formas recebe um FREEPASS de um dia à escolha para usufruir dos serviços disponibilizados por este recente e inspirador espaço desportivo!

Os comentários podem ser deixados em www.FITsalvador.com ou através do e-mail para atletas@FITsalvador.com



quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Gravidez: Exercício durante a Gestação

Desde o início desta temporada já recebi uma mão cheia (5!!!) de boas notícias... esta semana são as futuras mamãs atletas as contempladas!
Parabéns!!!

Se está grávida provavelmente estará mais preocupada com o cansaço, idas frequente à casa de banho e enjoos do que com o exercício… mas há boas razões para o tornar uma prioridade.
O exercício, para além de aumentar a energia e o humor, pode efectivamente tornar a gestação mais confortável enquanto possibilita ao bebé uma vida mais saudável.

Deve ser complicado encontrar tempo e energia para se exercitar, mas o exercício pode realmente ajudá-la a sentir-se mais confortável durante a gravidez por várias razões, como:
  • Mais energia
  • Redução de problemas lombares, distensão abdominal e obstipação
  • Diminuição do risco de Diabetes Gestacional
  • Melhoria do sono
  • Facilita o trabalho de parto e nascimento do bebé
  • Recuperação pós-parto mais rápida
  • Melhoria do humor
  • Menor peso para o recém nascido, diminuindo o risco de obesidade durante a vida

Para iniciar, seja principiante ou veterana, devem falar com o vosso médico e esclarecer todas as dúvidas. Normalmente incentivamos a continuar a exercitar-se como antes com algumas alterações, mas o médico pode dar informação detalhada sobre a sua condição.

Deve, no entanto, primar pela segurança:
  • Evitar exercícios em decúbito dorsal (barriga para cima) após o 1º trimestre
  • Beber água abundantemente para se manter hidratada e evitar subidas de temperatura
  • Tentar não se exercitar no exterior quando está muito calor ou humidade
  • Evitar desportos de contacto que o aumentem o risco de queda
  • Parar a prática de exercício e contactar o médico caso sinta tonturas, desmaios, dores de cabeça, perdas de sangue, dor, contracções ou falta de ar

Fontes:
Clapp JF 3d. The course of labor after endurance exercise during pregnancy. Am J Obstet Gynecol 1990;163:1799-805.
Hopkins SA, Baldi JC, Cutfield WS, et al. Exercise Training in Pregnancy Reduces Offspring Size without Changes in Maternal Insulin Sensitivity. J Clin Endocrinol Metab. 2010 Mar 24.
Veille JC, Hohimer AR, Burry K, Speroff L. The effect of exercise on uterine activity in the last eight weeks of pregnancy. Am J Obstet Gynecol 1985;151:727-30.
Wang T, Apgar M. Exercise During Pregnancy. American Family Physician 1998.

terça-feira, 20 de setembro de 2011

Nutrição: Carne Vermelha [Considerações Clínicas]

A promoção da saúde passa, cada vez mais, por equipas multidisciplinares onde todos e cada um desempenham o seu papel... Portanto, as sinergias criadas neste âmbito são sempre de louvar!

Esta temporada é rica em heterogeneidade (cultural e académica), e eu um orgulhoso de poder contar com a vossa colaboração!

Neste sentido venho partilhar convosco a preocupação manifestada pelo nosso atleta Veterinário, Filipe Oliveira, que vem desmistificar um pouco a ideia que a carne bovina é prejudicial à saúde...


Não hesitem em colaborar, certamente cada um terá algo para nos ensinar ou relembrar!
Obrigado Filipe!

Mantenham-se Saudáveis!

Deixem os vosso comentários e sugestões...

O "professor"

domingo, 4 de setembro de 2011

Nutrição: terminadas as férias...

A melhor maneira de começar a temporada, com a contribuição de uma experiente Nutricionista da equipa de Sáude Pública de Beja.
Ana Margarida é uma profissional pró-activa e empenhada na causa que defende. Entre várias frentes, tem um rubrica na Rádio Pax intitulada "Vida Saudável" que passa todas as quartas-feiras pelas 10h15.

"Se por um lado o verão traz, em termos de refeições, um maior consumo de grelhados, saladas, fruta e água, por outro, os gelados e até mesmo a fruta da época (que é consumida em excesso) podem causar um pequeno aumento de peso. Daí que precisemos acertar os ponteiros da balança.

Não é com grandes restrições ou enganos a si próprio(a) que consegue bons resultados. Um conselho que deixo é que é preferível perder menos peso e ser feliz do que perder peso rapidamente e andar triste e deprimido(a) à conta da dieta. Isso não funciona!!! Quanto mais rápida for a perda de peso, mais facilmente o recuperará. Sei que muitas vezes não gostam de ouvir isto, mas é o que acontece na realidade.

 Motivação, persistência e paciência são as qualidades de quem quer implementar novos hábitos alimentares.


Assim, deixo alguns conselhos para iniciar a sua mudança de hábitos alimentares:


- Pese-se!! Não tenha medo da balança. A balança não pode ser nem muito amiga nem inimiga…torne-a numa conhecida sua. “Visite-a” de vez enquando.


- Se o peso está no nível desejado, vige-o para que não aumente. Se notar um aumento pequeno ou grande que seja, contra-ataque. 1 ou 2 Kg não implicam grande sacrifício, mas se os deixarmos ficar, no ano seguinte já serão 3 ou 4Kg e aí o esforço já será maior.


- Estabeleça um compromisso consigo próprio. Estabeleça um dia D para iniciar um plano alimentar ou de actividade física e não falhar. E que tal já hoje?


- Trace metas realistas. Não queira perder 10, 20 ou 30 kg em dois meses. O importante é ir perdendo peso, nem que seja 1 kg por mês (no fim de um ano perdeu 12 kg e como ele passa depressa...). Perdas de peso muito rápidas tornam o metabolismo mais lento.


- Avalie sensatamente o seu progresso: não se fixe muito na balança. Tenha antes como objectivo, por exemplo, vestir umas calças ou saia que já não veste há algum tempo ou uma blusa que lhe estava justa.  


- Pergunte-se: “Por onde posso/ consigo começar?”

-    O 2º passo é estabelecer rotinas alimentares:
  • Toma o pequeno-almoço? Não? Então comece por aqui. Coma sempre antes de sair de casa. Bastam 10 minutos!
  • Coma de 3 em 3 horas, em pequenas quantidades sem nunca saltar refeições, ajuda-nos a manter o organismo em forma e contornar as quebras que levam ao consumo de alimentos calóricos e de fraco valor nutricional.
  • Iniciar as refeições com uma sopa de legumes.
  • O 2º prato deve ser ocupado, na sua metade, com legumes/vegetais.
  • Beba 1,5L de água por dia. Parece muito? E se lhe disser que bastam 8 a 9 copos de água, parece-lhe melhor?
     Penso que já tem muito trabalho de casa para este mês. Bom trabalho!!"
   Ana Margarida

quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Treinos Para Casa #1 - Setembro


video

Aqui vai o resumo do TPC do mês de Setembro!
Se pretender adquirir os 2 DVDs com os 10 treinos completos, promoção de lançamento, preencha o formulário.